Exposição João Pé de Vento - Teatro Deodoro.

Exposição João Pé de Vento

De: 20/07 19:01 a 20/08/2018 18:00

Talvez seja essa a melhor maneira de descrever o artista João Fernandes ou João Pé de Vento, como gosta de ser chamado.
Sua arte brilha e reverbera a natureza, com um sinal de respeito ao chão, aos grãos e gravetos. Sua sensibilidade reconstrói espaços que saltam as telas num transporte de realidade entre o que nos inspira e sua leitura artística.
João Pé de vento diz “…queria ser um artista….queria arrancar minhas revoltas, tristezas, arranhões em arte…” Como??? Perguntamos! O Senhor é um artista. E mais uma fala que impressiona: “….hoje pinto e uso minha arte para sobreviver, quero mesmo é pintar pra própria arte, livre, sem compromisso, tirar de mim e expor nas telas minhas verdades e palavras em forma de pintura, como um desabafo sem tom nem limite das visões e sentimentos de um artista…”
Ele não sabe ler, escrever, tampouco sabe sua idade e nem quer saber. Diz que nas competições fica na categoria entre 59 e 60 anos, mas que se sente com 30 e é a arte que o rejuvenesce. O esporte, sua outra grande paixão também. João Pé de Vento corre em competições como a São Silvestre e é das pistas de corrida que vem seu codinome.
Ele trabalhava como pintor de residências. Quando as tintas sobravam, ia pintando placas de vende-se nos terrenos do litoral paulista. João Pé de Vento é alagoano e viveu durante 30 anos em São Paulo. Lá, trabalhou em uma distribuidora de tintas e passou a entender mais sobre o seu instrumento de trabalho, naquela época, enquanto pintor, hoje, como artista.
Ele foi premiado por sua arte em São Paulo, mas perdeu a cerimônia porque não pôde ler a carta.
Em Maceió, João Pé de Vento conseguiu uma proeza. Passou a viver da arte, vendendo suas obras para um hotel. O artista realiza agora o seu maior sonho: a primeira exposição. A abertura será nesta sexta-feira (20/07), no Café da Linda, no Teatro Deodoro.
A mostra, que leva o nome do artista, fica em cartaz até 20/08. As visitas podem ser feitas gratuitamente de terça a domingo, das 14h às 18h, porém, em dias de eventos, o horário de visitação vai até o encerramento do espetáculo.
“Eu gosto muito de paisagem”, diz João Pé de Vento. E essa paixão está nítida nas telas. As belas paisagens de Maceió recebem destaque nas obras do artista. O que mais chama a atenção é que, além da precisão nos traços, no colorido e na alegria de suas pinturas, João Pé de Vento utiliza elementos da própria natureza como galhos, folhas e frutos.
O segundo maior sonho do artista é ter tempo para produzir o que vem na mente, ter tempo e liberdade para criar, soltar o seu eu mais interior possível. Coisa que a necessidade do sustento não permite. Por essa obrigação com o mercado, ele fala que não se sente artista.
Não imagina João o tamanho de seu talento, dom ou seja lá o que for que inspira esse homem o tornando um artista genial e genuíno. Um ser humano humilde, ingênuo. João Pé de Vento é dono de uma arte que vai além do belo, demonstra mais que criatividade, inquietude, em contradição com isso, transmite paz, nos faz sentir vivos.

Serviço:
Exposição João Pé de Vento
Abertura – Sexta-feira (20/07), às 19h.
Visitas – Até 20/08, de terça a domingo, das 14h às 18h, porém, em dias de eventos, o horário de visitação vai até o encerramento do espetáculo.
A entrada é gratuita.

LOCAL / ENDEREÇO

Local: Teatro Deodoro

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade