“Aquarius” e “Boi Neon” são consagrados em premiação de cinema internacional

Na terceira edição do Prêmio Fénix, dedicado ao cinema ibero-americano, os filmes brasileiros foram os maiores destaques

“Aquarius” e “Boi Neon” são consagrados em premiação de cinema internacional

Ontem à noite (07/12), aconteceu a terceira edição do Prêmio Fénix, dedicado ao cinema ibero-americano, e os filmes brasileiros “Aquarius” e “Boi neon” foram os maiores destaques.

“Aquarius” deu a Kleber Mendonça Filho a estatueta de Melhor Diretor e a Sonia Braga levou a de Melhor Atriz. Já “Boi Neon ficou com o prêmio de Melhor Roteiro e Melhor Fotografia para Gabriel Mascaro, diretor do filme.

Muito importante esse tipo de premiação que reconhece o cinema ibero-americano.

Para quem não conhece os filmes nacionais citados, por favor, vamos dar uma sinopse.

“Aquarius” conta a vida de uma uma escritora (Sonia Braga) e crítica de música aposentada, viúva e mãe de três filhos adultos, que mora num apartamento localizado no bairro de Boa Viagem, no Recife. O edifício em questão corre o risco de ser demolido e ela vai fazer o que puder para impedir isso.

“Boi Neon” narra a história de Iremar (Juliano Cazarré), um vaqueiro de curral que viaja pelo Nordeste e seu maior maior sonho é largar tudo para se tornar estilista.

Fonte: Papelpop


Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade