ATA comemora os 64 anos de existência e homenageia a fundadora Linda Mascarenhas

Na programação estão ciclos de leituras dramatizadas, concurso de teatro e lançamento da Revista Kaiti tu 3

Assessoria de Comunicação / Ulisses Abílio

ATA comemora os 64 anos de existência e homenageia a fundadora Linda Mascarenhas

 Há exatos vinte anos, era comemorado o centenário da atriz e professora Linda Mascarenhas, uma das figuras mais importantes da cultura alagoana. Também era data do lançamento do manifesto Maniva, usando como veículo a primeira edição da revista Kaiti tu, lançada especialmente para isso. O manifesto foi uma afirmação da Associação Teatral das Alagoas (ATA) com o compromisso de fomentar a produção no Estado, criando uma cultura do fazer teatro alagoano.

Agora, vinte anos depois, a ATA comemora 64 anos e, para comemorar, vai lançar a terceira edição da revista Kaiti tu, falando sobre as décadas de trabalho e produção da Associação. Ronaldo de Andrade, o presidente da ATA, fala sobre as comemorações: “É impressionante ter 64 anos de trabalhos, de realizações, de luta, ficamos surpresos com isso”. Ele conta que resistir até hoje é fruto de uma base sólida, fundada por Linda Mascarenhas que presidiu e “carregou” a Associação sozinha até a década de 70.

A data de comemoração do aniversário é 12 de outubro. Por ser um marco, a Associação Teatral das Alagoas preparou um mês inteiro de programação. Começando pela véspera, dia 11, com uma leitura dramatizada do texto “Dramática Opção”, do Proinart/UFAL-Curso Teatro Licenciatura, com Duda de Britto, Yrina Lacerda, Neto Portela, Osvaldo Vila Nova e Ronaldo de Andrade.

Depois, o ciclo de leituras dramatizadas segue com Clausura, de Gustavo Félix, com Ronaldo de Andrade, Duda de Britto e Yrina Lacerda. Quem assina a direção é Neto Portela Nova, e a apresentação acontece dia 29, às 13h30, na sala 02 do ICHCA, Campus A. C. Simões. A celebração que homenageia Linda Mascarenhas ainda conta com duas atividades no dia 31 de outubro: um concurso de peças teatrais, oferecendo o Prêmio Linda Mascarenhas, com premiações de no 1º lugar R$1.000,00 e publicação na Revista Kaiti tu 4 e para o 2º lugar uma menção honrosa (o regulamento está disponível no blog da ATA – http://associacaoteatraldasalagoas.blogspot.com/). Para finalizar, o lançamento da revista Kaiti tu 3, às 19h30, no Café da Linda, no saguão do Teatro Deodoro, no Centro de Maceió.

*Estagiário com supervisão de Hannah Copertino.

Publicidade

PMM nova Maceio Mobile
PMM nova Maceio Mobile

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade