Cinema carimba “AVISADO” em ingresso após dizer a cliente que filme tem cena gay

Em outra cidade, gerente foi quase espancado por clientes.

Cinema carimba “AVISADO” em ingresso após dizer a cliente que filme tem cena gay

Olha, a internet é uma máquina de criar boatos. Tudo que surge no Facebook e Twitter, sempre fico com o pé atrás. Mas como eu presenciei comentários semelhantes na bilheteria de um cinema em Fortaleza, eu não duvido de nada. Já digo logo aqui que é tudo boato e coisa de internet, e que não tenho nenhuma confirmação oficial, apenas estou reportando o que recebi e pesquisei.

O filme “Praia do Futuro”, estrelado por Wagner Moura, possui cenas de sexo homossexual. Até aí ok, já que não é nada de anormal. Só que estamos no Brasil, um país onde o preconceito está tatuado na cara da nossa sociedade conservadora (em tese e quando conveniente) e hipócrita. Não adianta nem o próprio Wagner dizer que o filme “vai muito além da sexualidade”.

Até que em Aracaju (Sergipe), um grupo de pessoas ficou tão indignado pelo filme ter essas cenas de sexo homossexual, que decidiu tomar satisfação com o gerente (alguns reportaram que quase acontece um problema de ordem física). Veja na galeria no fim do post.

De acordo com o o colunista do GLOBO Ancelmo Gois, em Niterói, no Cinemark do Plaza Shopping, cerca de 40 pessoas saíram no meio de uma sessão (domingo, às 21h) do filme.

Pode ser um boato espalhado, até que surgiu essa foto (de um cinema em João Pessoa/PB):

Seria verdade que tem cinema carimbando AVISADO no ingresso após informar que o filme tem cena de sexo homossexual? Pode não ser, mas não duvido de nada.

Sobre o carimbo AVISADO, tudo indica ser um procedimento padrão da rede de cinema (Cinépolis) em relação a carteira de estudante (para confirmar que a bilheteria avisou ao cliente que ele tem que mostrar a carteirinha antes de entrar no cinema). Porém, alguns clientes estão dizendo que se o filme escolhido for “Praia do Futuro”, a bilheteria marca AVISADO, além de referência a meia entrada, se notificou o cliente que o filme tem cenas de sexo gay.

No Facebook, algumas pessoas disseram que TEM QUE AVISAR. Sério mesmo? Existe classificação indicativa pra isso. Todo cinema tem o pôster do lado dizendo a IDADE MÍNIMA PERMITIDA e que o filme possui “violência, cenas de sexo e etc”. Isso de avisar e carimbar é PRECONCEITO. E você que diz que tem que avisar é PRECONCEITUOSO. Avisar pra que? A moça da bilheteria não tem obrigação nenhuma de falar algo sobre o filme pra você. A função dela é vender ingresso.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade