“Disque árvore”: projeto quer tirar Maceió da posição de uma das capitais menos arborizadas no NE

No último censo realizado pelo IBGE que mediu o índice de arborização das cidades, Maceió ficou numa posição média (e medíocre) no Nordeste, atrás de capitais como João Pessoa (campeã na região), Fortaleza, Teresina e até Recife, com sua extensa massa de concreto de avenidas e viadutos.

Agenda A / Agenda A

“Disque árvore”: projeto quer tirar Maceió da posição de uma das capitais menos arborizadas no NE

Um projeto lançado hoje pela distribuidora de gás natural do estado, a Algás, em parceria com o Instituto de Meio Ambiente de Alagoas (IMA-AL), quer aumentar o índice de arborização da cidade (que atualmente é um terço da recomendada pela Organização Mundial de Saúde) com o potencial de plantar até 5 mil árvores em calçadas da área urbana de Maceió.   De acordo com a Algás, promotora do projeto Algás Calçada Verde, a empresa se comprometerá a plantar até duas árvores na calçada de cada cliente da companhia mediante solicitação através do número 117 (ligação gratuita).

Quando o cliente que mora em um edifício atendido pela companhia solicitar o serviço, a empresa entrará em contato com o síndico do edifício para confirmar o agendamento.    Segundo o IMA, as árvores escolhidas para o projeto são de espécies nativas da Mata Atlântica com copa para sombreamento e raízes que crescem para baixo (pivotante) – para não danificar as calçadas. Dependendo do número de solicitações, talvez Maceió apareça melhor no quesito no próximo grande censo do IBGE marcado para 2020.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade

HVT Card