Instagram pede desculpas após censurar foto de gordinha usando calcinha

O Instagram se desculpou, nesta semana, por ter removido a foto de uma cantora – na imagem, ela aparece de calcinha. A reação da empresa veio depois que Meghan Tonjes publicou um vídeo no YouTube, na segunda-feira (19), acusando a rede social de fazer a exclusão do conteúdo porque ela é gorda. Diante da polêmica […]

Instagram pede desculpas após censurar foto de gordinha usando calcinha

O Instagram se desculpou, nesta semana, por ter removido a foto de uma cantora – na imagem, ela aparece de calcinha. A reação da empresa veio depois que Meghan Tonjes publicou um vídeo no YouTube, na segunda-feira (19), acusando a rede social de fazer a exclusão do conteúdo porque ela é gorda. Diante da polêmica – o vídeo tem mais de 100 mil acessos -, o Instagram liberou a imagem censurada.

O pedido de desculpas foi divulgado pelo site “Today”, da rede norte-americana “NBC”.

“Tentamos encontrar o equilíbrio para permitir que as pessoas se expressem de forma criativa, mantendo o Instagram um ambiente divertido e seguro. Nossa política restringe a nudez e conteúdo adulto, mas reconhecemos que nem sempre acertamos. Neste caso, cometemos um erro e devolvemos o conteúdo [ao perfil]”, diz comunicado da rede social comandada pelo Facebook.

Em seu vídeo com mais de oito minutos, Meghan afirma: “Tenho orgulho de minhas curvas e do meu corpo, que ainda é muito gordo [na rede social, ela mostra seu processo de emagrecimento]”.  A cantora de Los Angeles (Califórnia) selecionou diversas fotos de mulheres magras, de calcinha, divulgadas na rede social e reforçou: “Não gosto de dois pesos, duas medidas”.

Ela disse ter recebido um e-mail do Instagram, afirmando que o conteúdo havia sido retirado porque não estava de acordo com a política da empresa. No entanto, alega que sua foto de calcinha não se encaixa em nenhum dos casos descritos: violência, nudez, pirataria ou conteúdo adulto.

Ao ser informada sobre o pedido de desculpas e a volta do conteúdo pelo “Today”, Meghan comemorou. “Eu quero apenas poder andar pelas ruas e usar shorts, como qualquer outra garota. Amar seu corpo e sentir-se confortável com ele é uma das coisas mais rebeldes que se pode fazer neste mundo.”

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade