Linhas “corujões” serão ampliadas para toda a cidade

A partir da próxima segunda-feira (05), a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) vai ampliar a programação de todas as linhas de ônibus que circulam durante a madrugada. As linhas “corujões”, como são conhecidas, funcionam em caráter social, pois mesmo sem ter a grande demanda ou alto retorno financeiro das linhas normais, operam para atender […]

Linhas “corujões” serão ampliadas para toda a cidade

A partir da próxima segunda-feira (05), a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) vai ampliar a programação de todas as linhas de ônibus que circulam durante a madrugada. As linhas “corujões”, como são conhecidas, funcionam em caráter social, pois mesmo sem ter a grande demanda ou alto retorno financeiro das linhas normais, operam para atender a população que trabalha numa faixa horária mais atípica.

Dentre as principais modificações previstas para as linhas corujões destacam-se a expansão do alcance de seus itinerários e a transferência do ponto de integração temporal das linhas, passando da Praça da Faculdade, no bairro do Prado, ao Terminal Rodoviário de Maceió, no Feitosa. Na última quarta-feira (30), uma reunião entre o corpo técnico, as empresas de ônibus e a Associação dos Transportadores de Passageiros do Estado de Alagoas (Transpal) definiu os detalhes das alterações.

De acordo com a Coordenação de Programação de Linhas da SMTT, o objetivo da mudança no ponto de integração temporal é garantir conforto e segurança aos passageiros que precisarem pegar um segundo ônibus corujão para chegar ao seu destino. “A integração temporal permite que você pegue outro ônibus sem pagar mais uma passagem por isso, contanto que utilize a bilhetagem eletrônica e esteja dentro do intervalo de duas horas”, aponta o coordenador de Programação de Linhas, Sílvio Sarmento.

“Você não precisa estar no terminal para realizar a integração. Basta descer em um ponto onde a próxima linha irá passar. O ponto de integração temporal é uma medida que visa dar maior comodidade aos passageiros, levando em conta também o horário dos corujões e à segurança dos usuários do sistema”, detalha Sarmento.

A mudança nos itinerários associada à integração temporal entre as linhas permitirá que o sistema corujão consiga alcançar outras partes da cidade, antes não alcançadas. Algumas das comunidades que passam a ser beneficiadas são o Loteamento Acauã, Village Campestre II, Avenida Paulo Holanda, Santos Dumont, Morada do Bosque e Morada dos Palmares.

As linhas 196 (Eustáquio Gomes/Trapiche) e 199 (Jardim Vaticano/Pontal) deixarão de circular, mas as mudanças no itinerário das outras linhas e a integração temporal farão com que os passageiros não fiquem sem o transporte.

Confira o novo horário de circulação das linhas corujões a partir de segunda-feira (05):

097 (Village II/Centro): 00h, 02h10 e 04h20;

197 (Ipioca/Trapiche): 23h40, 02h, 04h10;

599 (Cruz das Almas/Feitosa/São Jorge): 23h40, 02h, 04h10;

796 (Benedito Bentes/Ponta Verde): 00h, 02h10, 04h20;

797 (Joaquim Leão/Ponta Verde): 23h30, 01h40, 03h50;

798 (Fernão Velho/Ponta Verde): 23h50, 02h10, 04h30.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade