Rafael Ilha é preso com a esposa, Ex-Polegar é acusado de tráfico de armas

Mãe de Rafael Ilha diz que levou susto com prisão: 'Estava limpo há 5 anos'

Rafael Ilha é preso com a esposa, Ex-Polegar é acusado de tráfico de armas

Há cinco anos limpo, sem recaídas nas drogas, com emprego fixo e namorada. Esse era o histórico do ex-polegar Rafael Ilha até a segunda-feira, 21, quando foi preso tentando atravessarcom uma arma calibre 12, munição e um aparelho de choque do Paraguai para o Brasil com a namorada Aline Kehz. E foi também esse histórico que pregou um grande susto em Sylvia Vieira, mãe de Rafael.

“Recebi a notícia como qualquer outra mãe, com um susto muito grande. Rafael estava limpo há 5 anos, não esperava isso”, disse Sylvia nesta quarta-feira, 23, ao EGO.

Ela contou ainda que ainda não conseguiu contato com o filho, que este tem sido feito pelo advogado José Beraldo, e que tem recebido apoio da jornalista Sônia Abrão – com quem Rafael trabalha no programa “A tarde é sua”.

“Quem está cuidando de tudo é a Sônia. Ela tem sido ótima, nos ajudando e é quem está mais por dentro do caso”, disse.

Mães unidas
Sylvia Vieira disse ainda que está em contato direto com Samira Kezh, mãe de Aline, e que elas estão confiantes na inocência do casal.

“Ela levou um susto muito grande também. A filha nunca esteve envolvida com essas coisas. Está preocupada, mas estamos confiante na inocência deles”, disse ela , contanto ainda, que as famílias já se conheciam antes do episódio da prisão.

Rafael Ilha foi preso na segunda, 21, com uma arma calibre 12, 50 munições do mesmo calibre e um aparelho de choque na divisa do Brasil com o Paraguai. Ele estava acompanhado da mulher, Aline. O ex-integrante do grupo Polegar foi transferido para a Penitenciária Estadual de Foz do Iguaçu, no Paraná, na manhã desta terça-feira, 22, e sua mulher também foi levada para uma penitenciária feminina.

Arma seria presente para a prática de tiro ao alvo
Nesta quarta-feira, 23, o advogado José Beraldo, que está defendendo o ex-polegar Rafael Ilha, 41 anos, e sua mulher Aline Kezh, de 31,  da acusação de tráfico internacional de armas, apresentou nova versão para a posse da arma com o casal na froteira do Paraguai com o Brasil. Segundo ele, Aline havia comprado a arma calibre 12 e as munições para dar de presente a Rafael Ilha, que gosta de tiro ao alvo.

“Ele é inocente. Não cometeu crime nenhum. Eles estavam passeando, entraram na loja de armamento no Paraguai e, Rafael, que tem uma chácara e gosta de praticar tiro ao alvo, gostou da arma calibre 12. Aline comprou a arma para dar de presente ao marido. A intenção era presentear o Rafael, não atirar em ninguém, nem cometer nenhum dolo. Não era para fornecer, nem vender. Não existe essa coisa de tráfico internacional de armas”, disse José Beraldo, acrescentando ainda que Rafael só soube da existência da arma quando eles foram parados no posto da aduana, e assumiu a propriedade do material. O advogado contou ainda que Aline não sabia que era crime transportar uma arma nessas condições.

Histórico conturbado
Famoso pelo sucesso do grupo Polegar, na década de 1980, Rafael Ilha, 41 anos, tem um histórico complicado. Ele teve problemas com dependência química e foi internado várias vezes. Além disso, Rafel já teve problemas na Justiça. O cantor foi preso por tentativa de roubo e porte de drogas.

 

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade