Terceira edição das ‘Crooked Sessions’ apresenta cantores e compositores da nova geração

Balada de rock acontece no domingo (27), a partir das 20h, no bar Pub Fiction; Pc Lamar, LZU e Victor Barros são as atrações deste mês

Assessoria de Imprensa / Jorge Barboza

Terceira edição das ‘Crooked Sessions’ apresenta cantores e compositores da nova geração

Em Maceió, a terceira edição da balada roqueira Crooked Sessions – organizada pelo selo local Crooked Tree Records – apresenta três novos artistas do elenco da gravadora, no domingo (27), a partir das 20h. Os shows ocorrerão no bar Pub Fiction, à avenida Doutor Antônio Gomes de Barro, 1.114, bairro da Jatiúca.

Responsável pelo lançamento em plataformas virtuais de alguns dos projetos roqueiros mais criativos da capital – entre eles o cantor veterano Sebage, a cultuada banda Mopho e a estreante (e surpreendente) Jude. –, o selo Crooked Tree aposta, dessa vez, numa edição dominical, apresentando músicos jovens e experientes, com propostas musicais diferentes e que já estão conquistando um público entusiasmado.nacidade.

João Victor cantava com a banda de heavy metal Life in Black. “Fizemos alguns shows no K-Fofo e Orákulo”, conta o cantor e agora, também, compositor. “Esse trabalho autoral novo é voltado para a etérea nostalgia do ontem, e tudo o que ele representa. Se trata de um trabalho de cunho bastante pessoal e influenciado por Jeff Buckley, David Bowie e Pink Floyd”

Cantando e tocando guitarra, Victor será acompanhado por Mário Alencar no contrabaixo, Gibson na guitarra solo e Luan Marcel na bateria. “Estou gravando um álbum que faz um apanhado sonoro dos sentimentos e tons que marcam a nostalgia. Uma nostalgia cultural e emocional que hoje parece perdida ou cínica demais pra se notar facilmente”, informa o músico, cujas melodias, em inglês, trazem em arranjos, como ele diz, “pós punk com influência de dream folk”.

Eliseu explica que “será uma beat-session” com duração “por volta de 40 minutos”.  “Vou tocar tanto sons de produção minha, quanto tracks dos meus amigos queridos e tantos outros remixes”, avisa o músico, o mais eletrônico (e dançante) da trinca que se apresentará nessa 3aCrooked Sessions. “Tudo isso envolto por uma vibe bem chill e psicodélica que só essas música experimentais lo-fi (ou low fidelity) podem proporcionar”, avisa o inquieto roqueiro.

LZU contará, ainda, com a “honrosa” participação dos amigos da produtora Febre do Rato. “É um coletivo artístico aqui do Estado, do qual também participo. Eles somarão junto comigo nessa session irada realizada por esse selo lindo-maravilhoso chamado Crooked Tree Records.”

O cantor, compositor e violonista Pc Lamar inicia a sequência de shows dessa primeira Crooked Sessions dominical, apresentando repertório de canções discursivas e românticas a la Bob Dylan (Lamar inclusive toca gaita em algumas delas). Trata-se de um trabalho original que pode ser conferido numa série de gravações apresentadas pelo artista na rede social do Facebook.

Há dois anos, Pc Lamar liderava a banda Aurora Negra, que tem EP de cinco faixas lançado no canal do artista no YouTube. Iniciando carreira solo no final de 2016, atualmente grava EP para a Crooked Tree Records, com produção de Mário Alencar, guitarrista da banda Killing Surfers que fundou o selo promotor da festa em janeiro de 2016.

3a CROOKED SESSIONS – Com Pc Lamar, LZU e Victor Barros. Domingo (27), às 20h. Ingressos a R$ 5.

PUB FICTION – Avenida Doutor Antônio Gomes de Barros, 1.114B – Jatiúca.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade