Antropofágico Miscigenado convida João Paulo para interpretar clássicos do rock

O movimento Antropofágico Miscigenado acontece todas as terças-feiras, a partir das 17h30, no saguão do teatro Deodoro

Antropofágico Miscigenado convida João Paulo para interpretar clássicos do rock

Na próxima semana, terça-feira (24), o movimento criado pelos músicos Edi Ribeiro e Sebage vai contar com a participação de um músico que ajudou a formar a identidade do atual e prestigiado rock alagoano: o vocalista, guitarrista, violonista e compositor da banda Mopho, João Paulo. Prestes a lançar “Brejo”, o quarto e emocionante álbum do grupo que trouxe de volta a psicodelia para o cenário roqueiro nacional, o músico diz que não fará, por conta desse lançamento, nenhuma música da banda legendária cujas origens remontam à cidade natal de João, a musical Arapiraca.

“Estamos nos preparando para o lançamento do disco”, explica João Paulo, que, em compensação, desfilará alguns clássicos de bandas como Beatles, Rolling Stones e Pink Floyd. “Vou cantar ‘Behind the Blue Eyes”, que é uma canção do The Who, e outras pérolas dos anos 60 e 70.”

O roqueiro João Paulo comparecerá ao Antropofágico Miscigenado juntamente com o contrabaixista e tecladista (também integrante da Mopho), Leonardo Luiz.

O movimento Antropofágico Miscigenado acontece todas as terças-feiras, a partir das 17h30, no saguão do teatro Deodoro, à rua Barão de Maceió, 375, centro da capital. Os parceiros Cuscuzeria Café e Arabian Nights Delivery são responsáveis pelo atendimento de bar, com cerveja e espetinhos de kafta (carne à moda árabe).

O público poderá fazer doações depositando o couvert, espontaneamente, numa Urna Antropofágica. Apoio da Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas (Diteal) e Urupema Jornalismo e Comunicação.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade

Cinemas