Jovem é condenado a pagar indenização de R$ 10 mil após ofender amiga pelo WhatsApp

Segundo informações dos autos, no grupo composto por 17 homens, o rapaz afirmava aos componentes que tinha mantido relações sexuais com a jovem.

TNH1 /  com agências

Jovem é condenado a pagar indenização de R$ 10 mil após ofender amiga pelo WhatsApp

Uma decisão da Justiça de São Paulo causou surpresa entre os usuários de WhatsApp depois que uma jovem de 21 anos ganhou uma indenização após processar um amigo que espalhou boatos sobre ela em um dos grupos da rede social.

O desembargador que determinou o pagamento de R$ 10 mil como punição, Silvério da Silva, afirmou que o acusado teria ‘abalado a honra da vítima’. Áudios e mensagens foram analisadas pelo magistrado. Mesmo o jovem tendo entrado com recurso, foi condenado por difamação e danos morais.

Segundo informações dos autos, no grupo composto por 17 homens, o rapaz afirmava aos componentes que tinha mantido relações sexuais com a jovem. “Nunca tivemos nada além de amizade”, disse ela.

De acordo com a vítima, ela soube do grupo “secreto” depois que uma amiga passou a namorar um dos componentes dele e contou para ela as conversas. “Eu me senti a pior pessoa do mundo e todos estavam rindo por trás de mim”, lembrou.

O relatório do Tribunal de Justiça de São Paulo ainda diz que “as mensagens chegaram a conhecimento de todos os círculos sociais da autora; e que observavam, pessoalmente ou por meio de outras pessoas, que ela deixou de ir à faculdade e de sair de casa, após o abalo sofrido por ter sabido das mensagens difamatórias”.

 

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade

Cinemas