Cadeia produtiva do gás natural veicular ganha reforço em Alagoas

Mercado alagoano ganha novo órgão de inspeção para atender à demanda dos consumidores do GNV

Cadeia produtiva do gás natural veicular ganha reforço em Alagoas

Alagoas conta com mais um órgão responsável pela inspeção de carros movidos a gás natural. Localizado no bairro Cidade Universitária, o Centro de Inspeção Veicular e Laudo Automotivo (CILA) já está atendendo a parte da demanda local, referente às vistorias dos carros com sistema de gás natural veicular (GNV).

Os usuários de GNV devem realizar inspeções anualmente em empresas técnicas capacitadas para esse tipo de serviço e autorizadas pelo Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN). Para o engenheiro mecânico do CILA, Carlos Ayron, o centro diminuirá o prazo que os usuários do GNV aguardam para realizar uma vistoria.

“Atualmente, os organismos de inspeção têm pouca capacidade de atendimento dos consumidores de GNV no estado e, com um novo centro de inspeção, temos mais uma empresa capacitada no mercado para prestar serviço a esse público”, afirma Ayron.

De acordo com distribuidora alagoana de gás natural, a Algás, o novo centro fortalece a cadeia produtiva do combustível em Alagoas. “Com mais uma empresa para vistorias, o consumidor terá outra opção para manter seu carro movido a GNV com tudo regularizado”, pontua o gerente comercial da Algás, Fabio Sousa.

Vantagens

Entre os benefícios do gás natural veicular, o gerente comercial destaca a rentabilidade e a economia desse energético em comparação com a gasolina e o etanol. “Em relação aos combustíveis líquidos, a economia pode ser de até 50%. Ele também é considerado o combustível fóssil mais limpo e impossível de ser adulterado do mercado”, afirma Fábio.

Para quem deseja adaptar seu veículo, é preciso procurar uma empresa instaladora autorizada pelo Inmetro. A lista de oficinas autorizadas pode ser encontrada no site da Companhia, no endereço www.algas.com.br.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade