Capital Inicial faz show no RIR com ‘Fora, Temer’, protesto político e dedo do meio de Dinho

Dinho Ouro Preto e diversos cantores brasileiros fizeram críticas à classe política nos palcos do Rock in Rio

Capital Inicial faz show no RIR com ‘Fora, Temer’, protesto político e dedo do meio de Dinho

O show do Capital Inicial neste último dia de Rock in Rio teve tom político. A banda abriu a programação do Palco Mundo neste domingo (24) com hits, muitos coros e discursos que fizeram o público gritar “Fora, Temer” e, por duas vezes, puxar coro de “Ei, Temer, vai tomar no c…”. Dinho Ouro Preto, vocalista da banda, citou políticos pelo nome, dizendo que “saquearam o Brasil”.

 O público, então, puxou coro de “Fora, Temer”. O cantor disse: “Fora, Temer. Fora, todos, uma longa lista”. Em seguida, citou que no ano que vem haverá eleições e mostrou o dedo médio com as duas mãos.
Depois, vieram outros hits: “Música urbana” e “Quem país é esse?”, que abriu de vez a porteira para a parte política do show. Na abertura, Dinho fez novo discurso, falando em Aécio Neves, Dilma Rousseff, Eduardo Cunha, Sérgio Cabral, Fernando Collor, de novo, Michel Temer, para quem a faixa foi dedicada.
Além de Capital Inicial, outros músicos brasileiros fizeram críticas ao governo durante os dias de festival, interagindo com o público, que respondeu com coros contra políticos.

Elba Ramalho, Alceu Valença e Geraldo Azevedo levaram forró e protesto à Cidade do Rock. “Fora, Temer e todos os políticos corruptos”, gritou Elba Ramalho no palco.

Outros artistas também não esqueceram de criticar políticos, caso de Evandro Mesquita: “Temer quer salvar o pescoço sucateando a Amazônia”, reclamou. Samuel Rosa, do Skank, também se posicionou: “Crise moral, crise ética. Queria fazer um apelo à classe política: um pouco de moral. É só isso que a gente pede. No Brasil eu acredito. Não acredito é na classe política”. Rogério Flausino, do Jota Quest, foi ainda mais fundo, fazendo um discurso contra quem chamou de “canalhas”.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade

Cinemas