Do Francês à Califórnia: alagoano vira fotógrafo favorito de geração de brasileiros na elite do surf

Gabriel Medina, Adriano de Souza “Mineirinho”, Filipe Toledo, Fabinho Gouveia...

Agenda A / Agenda A

Do Francês à Califórnia: alagoano vira fotógrafo favorito de geração de brasileiros na elite do surf

A nova geração do surf brasileiro batizada pela imprensa norte-americana de “Brazilian Storm” (tempestade brasileira) tem como um dos seus fotógrafos favoritos o alagoano Marcio Canavarro, que trocou as ondas da Praia do Francês para registrar ondas gigantes em points como Pipeline, no Havaí, ou na costa da Califórnia, onde mora atualmente.

O alagoano, que tem suas fotos reconhecidas e publicadas em veículos especializados no mundo inteiro e pela própria Liga Mundial de Surf (WSL), tornou-se também amigo com acesso à rotina e intimidade familiar dos surfistas brasileiros que passam boa parte no tempo nos Estados Unidos no circuito Califórnia-Havaí.   “Canavarro é um daqueles fotógrafos cuja relação com seus fotografados passa apenas da profissional”, postou recentemente o site especializado em surf Moist, em um perfil com galeria de fotos do alagoano.

“É o cara que você encontra tirando onda do Filipe Toledo, entre pedaços de carne servidos pelo Fabinho Gouveia. E desse tipo de relação nascem algumas das fotos mais interessantes que se vê por aí  — tanto dentro quanto fora  d´água”.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade