Secult e Maceió 40 Graus abrem exposição sobre arte e manifestações folclóricas de Alagoas

Mostra celebra mês do folclore com atividades culturais e apresentações artísticas

Secult  e Maceió 40 Graus abrem exposição sobre arte e manifestações folclóricas de Alagoas

Em comemoração ao Dia Internacional do Folclore – celebrado em 22 de agosto –, o Maceió 40 Graus e  a Secretaria de Estado da Cultura (Secult) abrem, nesta quinta-feira (18), a exposição Alagoas, seus folguedos e suas danças, em apresentação no Maceió Shopping. A mostra reúne fotografias da equipe do Maceió 40 Graus e peças artesanais do artista plástico Roniekson Okobayewa.

Na segunda-feira (22), às 16h, a Secult lança da cartilha Alagoas, seus folguedos e suas danças, que conta a origem das manifestações folclóricas tradicionais do Estado. Até o dia 31 de agosto, a exposição também contará com apresentações artísticas de grupos de folguedos e atividades culturais.

Para a secretária de Estado da Cultura, Mellina Freitas, reconhecer os artistas e folguedos que preservam e propagam a cultura alagoana é uma forma de resgatar e valorizar nossa arte. “Alagoas é o estado com maior número de folguedos registrados. Nossa missão é despertar o sentimento de pertencimento do alagoano às manifestações populares da nossa terra”, ressaltou.

Estarão em exposição, obras produzidas em argila, caracterizando alguns personagens de folguedos; vestuário típico do folclore alagoano e imagens das manifestações culturais. “A exposição, as apresentações culturais e a cartilha são uma forma de difundir o conhecimento sobre a nossa cultura à sociedade em geral”, disse a superintendente de Identidade e Diversidade Cultural da Secult, Perolina Lyra.

Publicidade

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Publicidade

HVT Card